• We are available for any custom works this month
  • Main office: Springville center X264, Park Ave S.01
  • Call us (123) 456-7890 - (123) 555-7891

Cinco dicas para jovens no mercado de trabalho

Cinco dicas para jovens no mercado de trabalho

Voltar

Postado por master em 26/ago/2021 -

Você já pensou no que acontecerá nos próximos anos? Quais serão os impactos da tecnologia? Parece difícil acertar qualquer previsão, mas de uma coisa pode ter certeza: o jovem no mercado de trabalho precisa se adaptar.

O assunto é tão importante que 65% das crianças que estão na escola hoje ocuparão profissões que ainda nem existem. Já pensou nisso?

Você, que já está mais próximo de entrar no mercado profissional, ainda tem vantagens, mas é necessário se preparar.

Para começar do jeito certo e conquistar os melhores resultados, veja cinco dicas indispensáveis para aumentar suas chances como jovem no mercado de trabalho.

 

1- Conheça os desafios e esteja pronto para eles.

De iniciantes a profissionais com 40 anos de carreira, todos encontram desafios ao longo do processo — e isso é bom! Afinal, é por meio das dificuldades que podemos crescer e alcançar novos patamares, não é?

Para começar com o pé direito, o ideal é já entender quais são as principais dificuldades e como você pode se preparar para elas. Dessa maneira, será mais fácil trilhar um caminho de sucesso.

Veja as principais dificuldades:

  • Falta de experiência

O profissional jovem no mercado de trabalho precisa de oportunidades, mas muitas estão destinadas a quem já tem experiência. Parece confuso, não é? Mas é possível resolver!

A dica é investir em estágios, trabalhos voluntários ou mesmo em projetos próprios. Demonstrar que já entende um pouco do mercado é sinal de proatividade — o que é um destaque e tanto.

  • Exigência de qualificação

A formação profissional é só o primeiro passo e pode ser necessário que você precise conhecer outro idioma, entender sobre o uso de tecnologia e assim por diante.

A dica é consumir um pouco de tudo. Aprenda os conceitos básicos que puder, pelo menos para demonstrar que já tem algum interesse.

  • Alta competição

Você também vai encarar uma forte concorrência, então é bom estar preparado. Tente entender quais são seus diferenciais e como pode ajudar cada empresa. Na hora da entrevista, use essas características como uma forma de se destacar.

 

2- Não deixe de buscar uma boa formação

Sabe aquela história de que “os profissionais do futuro não vão precisar de diploma”? Pois é, essa é uma grande besteira.

Não é porque caminhamos para o maior uso da tecnologia ou novas gerações no mercado que se deve abrir mão da qualificação — muito pelo contrário. A competição será cada vez mais acirrada e você deve ter bons conhecimentos.

Por isso, é indispensável selecionar uma formação adequada. Estar na faculdade pode até não ser o único passo necessário, mas é o que vai ensinar a profissão que pretende seguir.

Se quiser ter praticidade, sem abrir mão da qualidade, vale escolher a modalidade EAD (Ensino à Distância). Nesse estilo, você poderá estudar pela internet, quando e onde quiser, sem deixar de aprender.

 

3- Use o networking como uma de suas armas secretas

Os relacionamentos interpessoais já são importantes para o jovem no mercado de trabalho.

Basicamente, o netwooking consiste em criar uma rede de contatos de interesse para a sua profissão. Com essa prática, terá um suporte para trocar experiências e, é claro, oportunidades sobre a área.

Como muitas vagas nem sequer chegam aos anúncios tradicionais, você deve se preocupar em fazer boas conexões. Utilize a faculdade (como nos fóruns EAD) e vá a eventos ligados à sua carreira.

Assim, é possível se cercar de gente capacitada e que pode ajudá-lo a crescer!

 

4- Não pare de se atualizar

Para o jovem no mercado de trabalho com olhos no futuro, a atualização é especialmente importante por causa da grande concorrência e dos avanços acelerados.

Novidades em termos de tecnologia, métodos e exigências surgem o tempo inteiro. Se você não ficar ligado, será deixado para trás e não conseguirá alcançar o que deseja na carreira. E não é isso que queremos, certo?

Faça novas capacitações, aprenda outras habilidades e acompanhe as novidades do seu mercado. Assim, você se tornará um profissional muito mais interessante!

 

5- Saiba cuidar de si e dos seus resultados

Estamos caminhando para um mercado de trabalho cada vez mais automatizado e com integração da tecnologia. Para o jovem no mercado de trabalho, não significa apenas acompanhar as tendências.

É preciso se adaptar a essa nova realidade se você quiser se dar bem. Mas como fazer isso? A resposta é simples: com o autogerenciamento.

Em vez de esperar que alguém dê as ordens, trabalhe a produtividade e resolva o que for possível. Saiba usar sua autonomia de maneira inteligente e não dependa somente do feedback alheio para saber que fez um bom trabalho.

Esse nível de independência é muito bem-vindo em um cenário dinâmico e cheio de mudanças. Com essa atitude, pode ter certeza que sua presença não vai passar despercebida!

 

Fonte: https://www.unicesumar.edu.br/blog/jovem-no-mercado-de-trabalho/

EnglishGermanPortugueseSpanish